Título Nacional: Fade - Desvanecer
Autor: Lisa McMann
Ano de Lançamento: 2010
Número de páginas: 208
Editora: Novo Século
Título Original: Fade

Spoiler Alert: Se você não leu Wake, tome cuidade que esse post pode revelar segredos da trama
 
Ela diz que o livro é bom.
Também adora a personalidade de Janie, apesar de ela ser muito dura com ela mesmo. Ás vezes.
Porém, seu pesonagem preferido é o Cabe.
Todos sabem disso.
 
Quem já leu Wake sabe como a narrativa sucinta e no presente de Lisa McMann pode ser irritante no começo. Mas passadao o primeiro choque é simplesmente impossível não ler até chegar ao final. Por isso, você que está sofrendo com o começo de Wake, resista! Vale muito a pena.
 
No segundo volume da série, Janie continua na sua jornada para descobrir mais sobre sua "situação". Agora ela trabalha para a polícia, usando seu dom para resolver crimes "entrando" nos sonhos alheios. E com a descoberta de que a senhora Stubin também era uma apanhadora de sonhos, segredos são revelados. Uns muito úteis. Outros, nem tanto.
 
Além disso, acompanhamos o primeiro caso de Janie. Acontece que há um predador sexual na escola deles e quem servirá como isca será a própria. Nem precisa dizer como Cabe se sente com relação a isso, não é? Dá pra entender o comportamente "estranho" dele descrito na contracapa do livro.
 
Cabe e Janie ainda tem que manter a relação escondida já que o namoro deles pode comprometer a operação. Porém, o relacionamento deles chega a um novo nível, já que ele tem que aprender a lidar com a independência e a condição complicada de Janie.
 
Fugindo da história de muitos livros, Janie é uma personagem realmente forte e que sabe o que quer. Parece cliché descrevê-la dessa maneira, porém é a verdade. Apesar da infância ruim, ela se tornou uma adolescente muito responsável e dedicada. E não cede a todos os pedidos de Cabe.
 
Mesmo sendo um fofo, ele continua sendo um coadjuvante na história de Janie. Tá, mas posso falar que os dois juntos é muito fofinho? Cabe não é o esteriótipo do garoto perfeito, mas sim de um fofo real, com defeitos e qualidades. (Ok, vou parar de escrever fofo).
 
Agora é esperar ansiosamente por Gone.

Um comentário:

  1. ahh esse é o melhor dos 3!!!!

    Possui os elementos q acho q deveriam ter focado :-) e sim falou tudo Cabel é o fofo real... eles 2 juntos é uma graça!!
    Apesar de as x eles me tirarem do sério.. ahhahahha
    deu muito nervoso na cena da festa...

    bjss

    ResponderExcluir

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres