Título Nacional: Confissões de uma banda: alto, rápido e fora de controle
Autora: Nina Malkin
Ano de lançamento: 2005
Número de páginas: 304
Editora: Galera Record
Título Original: 6X: The Uncensored Confessions

Confissões de uma banda: alto, rápido e fora de controle continua a história da banda adolescente 6X. Agora que eles alcançaram a fama de forma muito rápida, devem provar que a merecem. O problema é que eles entram em turnê e tem que conviver 24 horas por dia e isso se mostra bem complicado.

A Kendall ainda continua apaixonada por A/B, só que ele pensa que encontrou o amor de sua vida. Por outro lado, Stella acha que finalmente conseguiu parar de gostar do empresário da banda. E Wynn continua confusa com sua vida, tentando lidar com seus sentimentos por meio das músicas.

Este é aquele típico livro que pode começar de qualquer ponto e você não sabe como pode acabar. O desenvolvimento vai indo de acordo com o que acontece com os personagens, não há uma históriaprincipal e nítida.

A narrativa continua da mesma maneira que do primeiro. Cada capítulo representa o ponto de vista de um integrante da banda, e assim a história vai sendo construída. É interessante, às vezes, ver a mesma situação de diversos pontos de vista.

O livro trata de assuntos delicados e polêmicos na vida do jovem, como bulimia. O que senti falta é de um tratamento mais profundo desses temas. A autora acaba só jogando os assuntos sem ter uma solução aparente para o problema, pelo menos não me convenceu.

Outro ponto que deixará vários aflitos é o final... que não existe. Já o Confissões de uma banda termina com um gancho enorme para o volume seguinte. Nesse segundo, acontece a mesma coisa. O problema é que, até agora, não há uma continuação e não achei nada da autora que sugerisse uma.

4 comentários:

  1. Hmmmm... interessante esse negócio do final não ter... hm, um final?
    auhshaushua
    Gostei da resenha x)
    O livro parece legalzinho, não sei se faria meu tipo, mas enfim... haha, gostei =)

    ResponderExcluir
  2. Já tinha visto essa capa em algum lugar, mas sinceramente nem sabia que era um livro.

    Adoro livros assim, 1º pessoa/alternando, é muito divertido, e o fato de não ter final deve dar aquela ansiedade medonha.

    ResponderExcluir
  3. eu li o primeiro e agora descobri que tem o segundo. estou louca pra ler. gostei da resenha, parabens!

    ResponderExcluir
  4. sou só eu que tenho curiosidade de saber se "A Voz" (Kendall) é realmente gordinha? porque os americanos costumam ser bastante exagerados quanto à isso. E na capa no primeiro livro aparece uma parte da kendall, mas seu orsto nao parece redondo, roliço como diz no livro, seila....sei que devo imaginar, mas fico nervosa! hahahahha

    ResponderExcluir

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres