Estréia da sessão Gringos, em que faremos resenhas de livros que lemos importados ou que ainda não têm versão nacional.

Título: Hunger Games
Autora: Suzanne Collins
Ano de lançamento: 2008
Número de páginas: 372
Editora: Scholastic

A vida de Katniss Everdeen não é igual a de uma garota qualquer de 16 anos. Ela vive em um dos 12 distritos controlados por um governo ditatorial. Tudo é controlado. O que você come, onde trabalha e até o que você fala. E para deixar ainda mais claro o poder sobre a população, a cada ano, um garoto e uma garota de cada distrito é sorteado para ir a uma arena para lutar por suas vidas, até que reste apenas um.

Quando a irmã de apenas 12 anos de Katniss é sorteada para ir à arena, ela não vê outra opção a não ser se oferecer em seu lugar. Como a sorte não estava ao seu lado, o companheiro, e futuro adversário, de distrito é Peeta, um jovem que a ajudou muito em sua infância. Katniss promete a sua irmã que fará de tudo para voltar para casa e ela pretende cumprir essa promessa.

Uma coisa que você deve saber sobre Katniss que ela não é a típica heroína. Desde seus 12 anos, ela sustenta a mãe e a irmã, Prim.Outra é que a vida no distrito 12 não é fácil. A ameaça de morte por inanição está sempre por perto. O trabalho nas minas de carvão maltratam os trabalhadores. Não há muito o que comemorar. Porém, é no momento que começam os "Jogos Vorazes" que começa o verdadeiro problema.

A narrativa é feita em primeira pessoa pela própria Katniss, por isso a história é concentrada nela e no Peeta durante os momentos na arena. Mas, há outros personagens secundários que além de serem apresentados no início, ganham mais detalhes por meio de flashbacks de Katniss, muito bem colocados para complementar  história.

Katniss é uma personagem forte e muito bem trabalhada. Ela tem uma linha de atuação e ética que, apesar de mudar um pouco ao longo do livro, faz total sentido. E como qualquer YA book, também tem sua dose de romance. Se me permitem um pequeno spoiler, posso dizer que não há só um romance como um triângulo amoroso bem complicado.

Uma leitura obrigatória!

0 comentários:

Postar um comentário

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres