A premissa de O turista é bem interessante. Angelina Jolie é a amante de um criminoso procurado e para tentar ajudá-lo faz com que um turista comum, Johnny Depp, seja confundido com ele. Isso só foi possível porque, convenientemente, o tal criminoso passou por uma cirurgia plástica que reconstruiu totalmente seu rosto, mas ninguém, nem mesmo Jolie, sabe como ele ficou. Por isso todos ficam atrás do sossegado Johnny Depp, um simples professor de matemática que se vê envolvido numa trama de espionagem internacional. E isso é basicamente tudo o que posso dizer sem estragar.

Jolie, mais do que nunca, desfila confiança pelas ruas de Veneza. Até numa perseguiçao a barco ela não perde a pose. Ao contrário, Depp começa o filme com uma carinha tão ingênua que fica difícil reconhecê-lo. E esses primeiros momentos devem ser os mais inspirados dele no filme. Já que no desenvolver ele se trasnforma em um Jack Sparrow deslocado em terras européias.

O grande problema de O turista é que tudo foi levado muito a sério. Ele tinha tudo para ser uma ótima comédia de aventura como Encontro explosivo. Porém, o filme fica perdido entre a vergonha alheia e o pseudo filme de espionagem. Depp falando espanhol ao invés de italiano, um chefe da Scotland Yard atrapalhado e beirando a incompetência pura e uma reviravolta difícil de engolir são alguns dos elementos que estragam o gênero, mas que seriam ainda mais engraçados se essa fosse a verdadeira intenção.

Por isso, minha dica é que ao assistir ao turista, desista do filme sério de espionagem e se entregue as risadas de vergonha alheia que o filme oferece. No final, temos uma boa comédia.

Um comentário:

  1. Gostei da sua resenha. As pessoas falaram tanto desse filme que criei muitas expectativas, quando fui ver não achei tudo isso. É apenas um filme pra se divertir e passar o tempo mesmo, nada muito sério.

    xx thanny in wonderland
    http://www.whosthanny.com/

    ResponderExcluir

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres