S#*! my dad says ou como o SBT traduziria, Abobrinhas que meu pai fala é  um perfil do twitter, no qual Justin Halpern coloca várias citações rotineiras de tudo que o pai dele fala. A popularidade fez o twitter virar livro e o livro virar série. 

Quando Henry (Jonathan Sadowski) perde o emprego, não lhe resta nenhuma opção senão pedir abrigo ao pai, Ed Goodson (William Shatner). O problema é que Ed não é um pai tradicional, na verdade, ele está longe de ser uma pessoa normal. O médico aposentado da marinha de 72 anos, que já foi casado três vezes, tem uma personalidade bastante difícil de lidar e regras muitos rígidas que sobre nenhuma circunstância devem ser quebradas. A trama explora as dificuldades, o bom e velho alguém tem que ceder, que Ed e Hennry têm que superar para morarem juntos e em paz. Além disso, também mostra a rotina de outro filho do Ed, o Vince (Will Sasso), com a esposa Bonnie (Nicole Sullivan).

A série é engraçada, mas não é do tipo que o público se identifica de cara. Ao mesmo tempo que levanta a bandeira gay, ela faz muitas piadas ofensivas a respeito de mulheres no geral, às vezes com ênfase nas prostitutas, e isso me incomoda. Então é preciso de um pouco de paciência, não sei dizer se você se acostuma com a personalidade exagerada do Ed ou ele fica menos ofensivo com o tempo, só sei que as coisas melhoram. 

Shit My Dad Says é exibido de segunda-feira, pelo canal pago Warner Channel, às 21h.


0 comentários:

Postar um comentário

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres