Esse livro foi lido por mim porque ele está em um book tour organizado pela Dana do blog Bookaholic.  Muito obrigada por ter me selecionado para participar!

O livro se na Espanha, em duas épocas diferentes: a Alta Idade Média e o início dos anos 2000. Na trama da Idade Média, um nobre chamado Dom Rodrigo é expulso pelo rei por causa de uma armação de outro nobre que fez com que o rei acreditasse que tinha sido roubado. Dom Rodrigo então vai com seus cavaleiros para o outro lado da Espanha combater os mouros, e se torna um conhecido guerreiro cristão chamado El Cid.

Entre os guerreiros de El Cid está Sancho, que em uma volta ao castelo para demonstrar ao rei que El Cid está indo bem e que deve ser perdoado, conhece a jovem nobre Guiomar. Mas ela tem uma madrasta um tanto quanto ciumenta, a Dona Brianda, e aí vocês já imaginam que confusão isso tudo vai dar.

A trama nos anos 2000 acompanha um diretor de teatro que reúne jovens de diversas partes da Espanha para realizar uma peça e um documentário sobre a história do El Cid. O que os jovens nem imaginam é que eles estão mais relacionados com a história de Sancho e Guiomar, de jeitos bem misteriosos.

Não dá pra falar muito mais da história sem entregar a revelação dos mistérios. O que eu posso dizer é que adorei a leitura! É uma história bem diferente da que geralmente lemos por aí, principalmente a parte medieval. São romances fofos, que acontecem depois que o casal se olha por dois segundos, o que é meio surreal, mas não deixa de ser bonito. Também tem lá sua dose de drama, magia, amizade, é uma história bem divertida de ser lida, com personagens carismáticos que fazem com que você torça para que tudo dê certo com eles.

Além da trama, o trabalho visual feito no livro também merece destaque. O livro todo é azul e lindo, com páginas azuis dentro ilustradas com coisas medievais relacionadas à história. O papel é branco e um pouco mais grosso do que é usado geralmente em livros. Recomendo muito a leitura!

0 comentários:

Postar um comentário

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres