Dos mesmos criadores da trilogia Matrix e baseado em um livro de David Mitchell, Cloud Atlas é um daqueles filmes filosóficos, poéticos e no qual você tem que prestar atenção pra tentar entender tudo o que acontece (também, você esperava outra coisa sendo que é do mesmo pessoal que fez Matrix?).

O filme narra seis histórias que se passam em tempos diferentes, mas com os mesmos atores aparecendo e cada uma e ligações entre elas. Não há um grande mistério, apenas a necessidade de acompanhar com atenção, porque o filme é composto de cenas das várias histórias que vão passando, cabe a quem assiste juntar tudo para si mesmo.

Na minha opinião (nada especializada) o filme é fantástico. Tanto visualmente quanto na questão do roteiro e das mensagens que passa. Não deixe que a falta de ordem na narração das histórias te desmotive, vale muito a pena assistir. Se entendesse de poesia, diria que é um filme até lírico, que fala sobre a vida e o que vem depois dela, sobre como nossas ações influenciam muita coisa, sobre preconceitos, nossa, o filme fala de muita coisa e de uma forma muito bem feita e bonita.

Recomendo que você vá assistir esse filme o mais depressa possível!

0 comentários:

Postar um comentário

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres