Título nacional: Quando ela se foi
Autor: Harlan Coben
Ano de lançamento: 2011
Número de páginas: 256
Editora: Arqueiro
Título original: Long Lost

Myron Bolitar é uma mistura de vários personagens. Tem a inteligência de Tom Langdon, o poder dedutivo de Sherlock Holmes e é atraente como James Bond, mas no final das contas ele consegue ser diferente de todos eles.

Quando ela se foi é um dos vários livros que têm como personagem principal o empresário esportivo que nas horas vagas resolve alguns mistérios. Neste volume, ele recebe uma ligação de uma antiga paixão com apenas um pedido: venha a Paris. Mesmo sem vê-la por oito anos, Myron parte para a Cidade Luz para ajudar a moça com o que quer que ela precisa. Só que o problema dela era bem mais do que matar as saudades de um velho amante. O ex-marido da moça é encontrado morto e o "detetive" acaba envolvido numa trama bem complicada e inesperada.

A narrativa frenética me lembrou os livros de Dan Brown, tirando o tema histórico. Tudo acontece bem rápido e é impossível não se envolver com a história e ficar super curioso para descobrir o que afinal está acontecendo.

E o final de Quando ela se foi é simplesmente mind-blowing. Realmente não esperava como solução algo tão diferente. Um livro super recomendado para todos os amantes de uma boa investigação e uma ótima narrativa.

0 comentários:

Postar um comentário

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres