Título: What Happened to Goodbye
Autora: Sarah Dessen
Ano de lançamento: 2011
Número de páginas: 416
Editora:  Puffin


Quando somos jovens, e as coisas dão errado, colocamos a cabeça no travesseiro e desejamos intensamente que possamos acordar na pele de outra pessoa. A manhã do dia seguinte sempre chega com a constatação de que a maioria dos desejos não se realiza. Para McClean isso não é apenas um sonho, é realidade. Ela muda de cidade em cidade, deixando para trás o CEP e a antiga personalidade também.


McClean Elizabeth Sweet já foi várias pessoas. Izzie, Eliza, Beth... Ela costumava ser uma garota comum que dividia com o pai a paixão por basquete universitário. Porém, a vida dela ficou de cabeça para baixo quando seus pais se divorciaram por causa do caso tórrido de amor  entre a mãe com o técnico do time de basquete favorito da cidade, que por pura coincidência era o ídolo do pai dela também.


Sem pensar duas vezes, ela escolhe o lado do pai. Ele trabalha para uma rede de restaurantes, descobrindo porque a franquia está dando prejuízo e tentando resolver isso. Esse processo dura alguns meses e depois de solucionado o problema, eles mudam para a próxima cidade. Essa vida louca permite que McClean possa sempre recomeçar, sendo uma garota diferente em cada escola.


Porém, as coisas não saem com planejado em Lakeview, onde ela é obrigada ser McClean e ver no que isso vai dar. Pela primeira vez em três anos ela tem amigos e um cara especial, o Dave.


Dessen explora o romance de maneira nada clichê, mantendo a história focada no amadurecimento de McClean o tempo todo. Apesar de se passar no colegial, não tem o lenga lenga da garota malvada da escola que usa sexo como arma para conseguir o que deseja. A história é original e muito bem escrita. Com o passar das páginas, McClean embarca numa viagem de aceitação, de quem ela é e do divórcio dos pais.


Eu adoro o modo como a autora desenvolve os personagens secundários dando voz e história para todos eles. Outro fator positivo é adolescência bastante similar com a realidade, com problemas reais e sérios, ao invés do enredo água com açúcar de filme da sessão da tarde. Mais uma vez a Sarah arrasou!

0 comentários:

Postar um comentário

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres