Contos de fadas fazem parte da vida de toda criança.  Seja pelos livros de fábulas, seja pelas versões cinematográficas, todos conhecem Chapeuzinho Vermelho ou Bela Adormecida. E você já parou para pensar se todos esses personagens fossem parar no mundo real o que aconteceria?

Esse, basicamente é o enredo de Once Upon a Time. Na história, a Bruxa Má da Branca de Neve, joga uma maldição no reino em que todos os personagens, incluindo a própria, ficam presos num lugar sem finais felizes (leia-se o mundo real) até que alguém os salvasse. Esse alguém é Emma, filha de Branca de Neve e do Príncipe Encantado que foi poupada da maldição para um dia cumprir essa missão. 

Porém, quem encontra Emma é Henry, seu filho que foi posto para adoção há dez anos atrás. O menino encontrou um livro de contos de fadas e acredita que todos na cidade são os personagens das histórias ali contadas. Com o intuito de apenas devolver o menino a mãe, ela vai a cidade. Chegando lá, começa a perceber que há algo muito errado por ali e por isso resolve ficar para ajudar o garoto.

Apesar de confusa, a história vai sendo explicada melhor aos poucos, e assim você vai entendendo qual é o papel de cada um, tanto na cidade como nos contos de fadas. E isso é o mais divertido da série: tentar adivinhar quem é quem. Alguns são revelados logo de cara como Branca de Neve como professora de primário, Grilo Falante como psicólogo, a Bruxa Má como a prefeita da cidade. Outros já não são tão óbvios e é preciso alguns episódios para se descobrir.

Once Upon a Time é a minha preferida da Fall Season desse ano, porém a série sofre alguns tropeços de audiência, o que é uma verdadeira pena... Isso talvez se deva ao fato de que dificilmente o público masculino se interessaria por uma série que narra os percalços de personagens de contos de fadas. E as cenas de luta nada melhoram essa opinião, são fracas e nada realistas. Mas eu espero (e muito) que uma série tão apaixonante como essa consiga não só ganhar uma temporada completa como muitas outras no futuro.

No Brasil, a série será exibida pelo canal pago Sony a partir de abril de 2012.

0 comentários:

Postar um comentário

Sigam-nos os bons!

Giselle lê

Robertha lê

Nathaly lê

Tecnologia do Blogger.

Ache no blog

Curte aí!

140 caracteres